Operação da Policia Federal contra distribuidor de Ecstasy no Brasil

A Foto Polícia Federal do Brasil - -
Foto Polícia Federal do Brasil

Curitiba/PR – A Polícia Federal deflagrou nesta manhã (17/10) a Operação Hipster*, para prender responsáveis pela produção e distribuição de Ecstasy para vários estados do Brasil, desde Curitiba.

Cerca de 25 policiais federais cumprem 5 mandados de busca e apreensão e 4 mandados de prisão temporária. Entre  os alvos há um estudante universitário.

A investigação teve início a partir de informações recebidas relativas à compra de uma prensa para a produção de drogas e diversas remessas postais contendo comprimidos de Ecstasy numa agência dos Correios em Curitiba. O DEA (órgão que combate as drogas nos Estados Unidos) deu apoio com informações.

Durante a investigação, num período de dois meses, foram identificados o envio de pelo menos 80 envelopes e grande movimentação de recursos financeiros na conta corrente do suspeito que ultrapassou os R$ 500 mil num período de 10 meses.

Os presos foram conduzidos até a Superintendência da Polícia Federal em Curitiba, onde permanecerão à disposição da Justiça. Se condenados, poderão ter penas superiores a 20 anos de prisão.

É procedente assinalar que a informação foi facilitada pela Agência de Noticias da Polícia Federal. Edição para OIPOL, Luján Frank Maraschio.

*Hipster – em alusão ao alvo da operação.

MTP logo fondo negro
Patrocinado pela Área de Equipamento da OIPOL

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: