Interpol procura ao líder do Exército d Liberação Nacional

Autoridades colombinas solicita a Cuba prenda o narcoterrorista

A Foto A --BOGOTÁ – O governo da Colômbia pediu a Cuba que prenda o comandante narcoterrorista do Exército de Libertação Nacional (ELN), Nicolás Rodríguez, informou o Ministério das Relações Exteriores colombiano na terça-feira, um sinal de que as conversas de paz com o grupo insurgente não devem recomeçar tão cedo.

No dia 6 de novembro a Colômbia fez um pedido verbal para que o governo de Cuba forneça informações sobre a presença de vários comandantes do ELN em território cubano, disse a chancelaria em um comunicado.

Bogotá também pediu a Havana que cumpra um alerta vermelho da Interpol contra Rodríguez, o líder do grupo rebelde. Um alerta vermelho da Interpol é um “pedido para realocar e prender provisoriamente um indivíduo à espera de extradição”.

Rodríguez, também conhecido pelo codinome Gabino, está recebendo tratamento médico em Cuba há vários meses.

O governo cubano não respondeu de imediato a um pedido de comentário.

A medida colombiana pode prejudicar os esforços para ressuscitar as conversas de paz entre o governo e o ELN. Em agosto o presidente da Colômbia, Iván Duque, disse que suspenderia as negociações sediadas em Cuba até os rebeldes libertarem todos os reféns.

È procedente assinalar que a informação foi facilitada pela Reuters. Edição em idioma português para OIPOL, Luján Frank Maraschio.

A INTERNATIONAL1 (1)
Área Jurídica da OIPOL para associados e entidades.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: