Operações para combater o narcotráfico no Brasil

  • Polícia Federal combate tráfico internacional de drogas por meio de “mulas” em Santa Catarina
  • Investigação, que iniciou em agosto de 2018, apreende aproximadamente 560 kg de maconha e três veículos em Espirito Santo

A Foto Políacia Federal do Brasil - - --- - -Florianópolis/SC – Vila Velha/ES – Rio de Janeiro/RJ – A Polícia Federal deflagrou o dia 31 de janeiro a  Operação Schengen, para reprimir grupos criminosos envolvidos com tráfico internacional de drogas, em Santa Catarina. O esquema criminoso consistia no aliciamento de pessoas para transportarem para o exterior cargas de drogas, em viagens comuns para a Europa.

Foram cumpridos dez mandados de prisão e dez mandados de busca e apreensão, em Florianópolis/SC e São José/SC, todos expedidos pela Justiça Federal desta capital.

De acordo com as investigações, os envolvidos transportavam ou aliciavam pessoas para transportarem entre 2,5 a 3kg, de cocaína para Europa e voltavam ao Brasil com droga sintética, conhecido com ecstasy ou bala. Essas pessoas eram atraídas pelos valores em dinheiro oferecidos e pela oportunidade de visitar países europeus.

Os investigados responderão pelos crimes de tráfico de drogas internacional, associação para o tráfico e por integrar organização criminosa, crimes previstos em Lei cujas penas máximas somadas podem ultrapassar 33 anos de prisão.

Operação em Espírito Santo

Por outro lado, a Polícia Federal deflagrou o mesmo dia 31 de janeiro a Operação Ponta Sul, com objetivo de desarticular quadrilha que atua no tráfico de drogas, no Espírito Santo.

Policiais federais cumpriram 8 mandados de busca e apreensão e 05 mandados de prisão preventiva, nas cidades Vitória/ES, Vila Velha/ES e Linhares/ES.

A investigação teve início em agosto de 2018, quando foram apreendidos aproximadamente 560 kg de maconha e três veículos, na cidade de Cachoeiro de Itapemirim/ES. Na ocasião os condutores dos veículos não atenderam à ordem de parada emitida pelos policiais e empreenderam fuga, abandonando os veículos com o carregamento de droga. As investigações prosseguiram, e os responsáveis foram identificados e presos hoje.

Na ação de hoje, foram apreendidas duas submetralhadoras de aparente produção artesanal, uma espingarda, um revólver e 110 munições, além de pequena quantidade de cocaína, documentos e dispositivos de armazenamento digital.

É procedente assinalar que a informação foi facilitada pela Comunicação Social da Polícia Federal em Santa Catarina e Comunicação Social da Polícia Federal no Espírito Santo. Edição em idioma português para OIPOL, Luján Frank Maraschio.

Auxílio Jurídico OIPOL, de plantão… 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: