Suspeito de pertencer ao grupo terrorista Al-Queda é procurado pelo FBI no Brasil

  • Por meio de uma mensagem divulgada no Twitter, o FBI diz que Ahmed Ibrahim deve ser considerado “armado e perigoso”
  • Governo brasileiro diz que coopera com autoriadades norte-americanas
A Foto A--
Foto de perfil, supostamente de Mohamed Ahmed Elsayed Ahmed Ibrahim.

Rio de Janeiro – O Federal Bureau of Investigation (FBI, polícia federal norte-americana) está a procura, no Brasil, de um egípcio suspeito de ter atuado para o grupo terrorista Al-Qaeda. O governo brasileiro informou que está aberto para cooperar com as autoridades dos Estados Unidos na busca por Mohamed Ahmed Elsayed Ahmed Ibrahim.

Em nota conjunta, os ministérios das Relações Exteriores e da Justiça e Segurança Pública confirmaram que o egípcio entrou no Brasil em 2018 e obteve autorização de A Foto A-residência. Segundo o governo brasileiro, ele está em situação migratória regular. “O governo brasileiro está aberto a cooperar com as autoridades norte-americanas no que for solicitado, nos termos de nossa legislação, e está acompanhando o caso”, diz a nota.

Por meio de uma mensagem divulgada no Twitter, o FBI diz que Ahmed Ibrahim deve ser considerado “armado e perigoso”. Segundo o órgão de investigação norte-americano, ele é procurado para interrogatório sobre suposta atuação como “agente facilitador de ataques contra os Estados Unidos”.

É procedente assinalar que a informação foi facilitada pela Agêncai Brasil (EBC).Edição, Área Jornalística OIPOL.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: