Reafirmam importância de relações entre EUA e Taiwan

Taiwan é um dos parceiros mais importantes e confiáveis ​​dos Estados Unidos.

David R. Stilwell, secretário de Estado adjunto dos EUA, enfatizou a força da relação EUA-Taiwan em um evento on-line promovido pela Fundação Heritage em 31 de agosto. Ele discutiu o alto nível de engajamento militar, econômico e político entre os EUA e Taiwan.

“Os Estados Unidos e Taiwan são membros da mesma comunidade de democracias, vinculados por nossos valores políticos, econômicos e internacionais comuns”, disse Stilwell.

“Mais do que nunca, Taiwan é importante para os EUA e importante para o mundo”, disse ele.

Garantia de defesa e segurança

Stilwell deixou claro que os Estados Unidos estão mantendo sua política de longa data denominada “Uma China”, mas estão atualizando seu compromisso com Taiwan. Isso inclui colaboração e cooperação militares para contrabalançar o comportamento desestabilizador de Pequim.

“Os EUA mantêm relações não oficiais extensas, próximas e amistosas ​​com Taipei, incluindo compromissos de ajudar Taiwan em sua autodefesa”, disse Stilwell. Os EUA estão “fazendo algumas atualizações importantes em nosso compromisso com Taiwan a fim de refletir melhor (…) a crescente ameaça representada por Pequim para a paz e a estabilidade na região”.

Stilwell repetiu as Seis Garantias relativas à venda de armas para Taiwan que Washington concedeu a Taipei em 1982. Ele anunciou que os EUA desclassificaram os dois telegramas diplomáticos* nos quais o presidente Ronald Reagan assegurou a Taiwan que os Estados Unidos:

Não concordaram em definir uma data para encerrar as vendas de armas a Taiwan.

  • Não concordaram em consultar a República Popular da China sobre a venda de armas para Taiwan.
  • Não desempenharão um papel de mediação entre Taipei e Pequim.
  • Não concordaram em revisar a Lei de Relações Taiwan-EUA.
  • Não alteraram sua posição em relação à soberania de Taiwan.
  • Não exercerão pressão sobre Taiwan para que entre em negociações com a RPC.

Os telegramas diplomáticos desclassificados mostram que os Estados Unidos têm mantido uma posição coerente nas vendas de armas para Taiwan por quase 40 anos, o que contraria a história revisionista implementada por Pequim. Stilwell disse que, à medida que o Exército de Libertação do Povo da RPC atualiza sua sofisticação e habilidades, os Estados Unidos ajudarão Taiwan a manter uma força dissuasória confiável.

“Continuaremos ajudando Taipei a resistir à campanha do Partido Comunista Chinês que busca pressionar, intimidar e marginalizar Taiwan”, disse Stilwell. “O interesse fundamental dos EUA é que a questão de Taiwan seja resolvida pacificamente, sem coerção e de uma maneira aceitável para as pessoas em ambos os lados do Estreito [de Taiwan].”

O navio de combate USS Mustin, equipado com mísseis teleguiados, realiza operações de rotina no Mar do Sul da China em 18 de agosto em apoio à segurança e à estabilidade da região do Indo-Pacífico (Marinha dos EUA/Especialista em Comunicação de Massa de 3ª classe Cody Beam)
Fortalecimento de laços econômicos

Stilwell também anunciou um novo diálogo econômico entre EUA e Taiwan, que abrangerá “todo o espectro de nossa relação econômica”.

Ele elogiou o investimento de US$ 12 bilhões nos EUA que a empresa taiwanesa de semicondutores TSMC anunciou em maio. E também a decisão adotada por Taiwan em agosto visando remover barreiras de longa data às carnes bovina e suína dos EUA.

Dados esses acontecimentos, “espero que Taiwan se torne um parceiro comercial ainda mais importante dos Estados Unidos”, disse ele.

Dando um exemplo político

Stilwell também elogiou Taiwan por ser um farol de governança democrática, em que há liberdade de expressão, liberdade de religião e eleições livres e abertas às quais as pessoas em todos os lugares aspiram.

Ele destacou que Taiwan tem dado uma das respostas mais eficazes à Covid-19 comparado a qualquer outro lugar do mundo. Ele pediu aos países que rejeitem a intimidação de Pequim e apoiem a participação de Taiwan em organizações internacionais.

Taiwan é “uma visão de uma sociedade e um regime chineses democráticos que é próspera, harmoniosa, livre e altamente respeitada por pessoas em todo o mundo”, disse Stilwell.

“Os Estados Unidos não poderiam estar mais orgulhosos de trabalhar lado a lado com um amigo tão bom como Taiwan”, disse ele.

É procedente assinalar que a informação foi facilitada por ShureAmerica. Edição, Área Jornalística Oipol.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: